Primavera e exercícios

Olha eu aqui de novo!!! Neste momento está um sol maravilhoso lá fora. A primavera realmente chegou (apesar de estar com cara de início de verão, 16 graus). As flores estão crescendo, os pássaros cantando e isto me anima profundamente. Me anima tanto que depois de um período estressante de provas volto a fazer exercícios e a me sentir um pouco melhor. Na verdade, minhas enxaquecas diminuiram consideravelmente depois que comecei a me movimentar. Deixar de ser sedentária é um processo árduo, mas no final das contas, gratificante.

Falando em movimento, pecebi que os suecos são bastante ativos. Minha impressão quando visitei o país pela primeira vez (ainda em 2004) foi a de que todos, de alguma maneira, estão em atividade constante. O que mais me chamou a atenção foram os velhinhos andando de bicicleta pelos parques de Estocolmo, que aliás são muito fofos. Nada aqui é muito longe e você pode fazer praticamente tudo a pé. No inicío eu achava dureza ter que andar de casa até a escola (uns 30 min de caminhada com uma pequena montanha para “escalar” no meio do caminho). Mas depois de seis meses de idas e voltas, acabei por me acostumar e agora encaro como um passeio.

Voltando aos suecos. Além de serem adoradores da natureza (posso falar sobre isso num outro post) eles se preocupam muito com o bem estar das pessoas. Desde a década de 60 algumas empresas adotaram a chamada Ginástica Laboral, que consiste em proporcionar aos funcionários uma melhor utilização de suas capacidades funcionais. Para isso, todos são convidados a parar de trabalhar por alguns minutos para executarem uma série de exercícios num restrito espaço de tempo. Esta ginástica nasceu na Polônia em 1925 e se expandiu para todo o mundo. Hoje é possivel encontrar empresas que possuem academias de ginástica com horários flexíveis para a melhor adaptação do empregado. Aqui existe também um sistema (ainda não estou 100% informada sobre isso) em que o funcionário pode pegar uma hora por semana (?) do horário de trabalho para se exercitar fora da empresa sem que isto diminua o salário no final do mês. Acredito que a idéia segue a mesma linha da Ginástica Laboral a qual é responsável pela redução de afastamentos médicos, lesões (L.E.R) e acidentes no trabalho além de contribuir para a melhora da produtividade

Depois deste longo parênteses, voltemos à minha ginástica. Como não gosto de máquinas (não sou adepta da malhação com ferros e apetrechos), preferi começar com Pilates (infelizmente a academia tem apenas duas vezes por semana) e Teamcycling (que a princípio vou fazer só as terças e sextas). Pilates, para quem nao está a par, é o nome do método que se baseia em fundamentos anatômicos e fisiológicos que se fundem em seis princípios básicos: concentração, controle, precisão, centramento, respiração e fluidez. O principal objetivo é conseguir o equilibrio entre o corpo e a mente de maneira prazeroza. (prometo que depois escrevo um post só sobre isto). Depois que comecei a fazer Pilates, as dores nas costas diminuiram consideravelmente. Além do que, minha postura melhorou bastante.

Já o teamcycling ou spinning é um exercício de pura resistência. Todos na sala têm que seguir as instruções de um professor que apresenta um programa completo de atividades em bicicleta estacionária através de simulação de vários percursos de ciclismo de rua formados de retas e subidas (com pouca ou moderada carga). O bom deste exercício é que alia o prazer de pedalar (para quem gosta) à perda de peso. Sim, o spinning queima cerca de 600 a 800 calorias por hora aula. Você realmente sua, e como sua!!! Depois da aula eu fico completamente aos pedaços. Como sou bastante ansiosa e quero tudo para ontem, tentei fazer todos os dias, mas não aguentei a pressão. Os músculos sedentários me proporcionaram longos dias de dor. Por isso decidi fazer uma carga de exercícios cotidianos que dentro de um mês (no máximo) pretendo aumentar.

Agora vou parar de escrever um pouco e voltar para meus difíceis textos para amanhã.

  • A segunda palavra em sueco do dia é rörelse, movimento

2 thoughts on “Primavera e exercícios

Comments are closed.