Energia renovável, já!!

plimpo.jpg

E hoje é o dia Mundial do Meio Ambiente e Ecologia. Nesses últimos tempos temos ouvido muito falar sobre como salvar o planeta terra da nossa própria selvageria em busca do moderno, do poder, da velocidade, etc, tudo isso em detrimento da natureza e da nossa própria segurança. Mas o que este espaço pode fazer para tentar salvar o planeta? Ontem, vi no site de Ale que Lino sugeriu uma blogagem coletiva sobre “Um planeta mais limpo” no qual deveriamos abordar aspectos sobre a preservação do planeta. Estando onde estou, nada melhor do que falar sobre o que a Suécia faz para preservar o meio ambiente. Neste caso, decidi escrever sobre energias renováveis (ou alternativas) pelas quais o país ganha destaque internacional pelo pioneirismo e ousadia de que trata a questão.

Pesquisando sobre o assunto, encontrei uma matéria e um documento nos quais constam o desejo da Suécia em se ver livre completamente do petróleo até 2020. Para isso, membros da sociedade civil juntamente com industrias, profissionais liberais, fazendeiros, construtores automobilísticos, professores, entre outros, propuseram ao governo um projeto de substituição de todas as energias fósseis por renováveis antes que as mudanças climáticas destruam as economias assim como os preços do petróleo subam a níveis inimagináveis. Em 2003, 26% da energia era produzida de formas renováveis. Por outro lado, a média européia não passava dos 6%. Neste mesmo período, o país era dependente apenas de 32% do petróleo (77% nos anos 70), basicamente para suprir a necessidade dos transportes públicos. Em parceria com duas gigantes do setor automobilístico nacional (Saab e Volvo) o objetivo do país atualmente é de oferecer cada vez mais veículos que funcionem a base do álcool ou de outros combustíveis vegetais.

Enquanto isso, a Linköping, cerca de 200 km ao sul de Estocolmo, desde 1989 (mas com início de fato em 1991) a cidade utiliza degetos orgânicos oriundos de matadouros para fabricar combustível. Lá, ônibus, taxis, caminhões de lixo e até mesmo um trem regional funcionam a base de gás natural. A cidade produz atualmente seis milhões de m3 de gás natural por ano, ou seja, 1/4 da produção nacional. O municípo adotou ainda meios de favorizar o uso de carros ecológicos: estacionamentos gratuitos para particulares e preços reduzidos para taxis em garagens. Mas apesar de todos esses esforços, as emissões de gases poluentes, em 2004, por carros novos deixou a Suécia em último lugar no ranking (185 gr/km). No entanto, a promessa para 2008 é que a posição se inverta completamente e ultrapasse Portugal, menos poluente/carros novos. A previsão é de apenas 137 gr/km

Estocolmo não fica atras dessa iniciativa. A cidade é a única no mundo a utilizar em todos os meios de transportes públicos 100% de combustíveis renováveis, neste caso, o álcool sem alguma mistura com petróleo . Uma experiência que começou há 17 anos em apenas 30 ônibus, hoje atinge toda a frota. Atualmente a Suécia é o maior consumidor de álcool (ethanol) da Europa e por esta razão foi escolhida pela americana Ford para testar o Ford Focus flexfuel (85% etanol e 15% gasolina) no continente. E falando em carros, segundo o DN e o SvD, o governo sueco decidiu conceder um desconto de 10 mil coroas suecas (mais ou menos R$ 3000,00) para todos aqueles que, entre 1 de abril de 2007 e 31 de dezembro de 2009, comprarem um carro ecológico. De acordo com a matéria do DN, em 2006 foram registradas cerca de 39 mil carros ecológicos no país, dos quais nove mil são particulares. O carro ecológico custa, claro, mais caro que os normais, mas segundo o presidente da Svenska Biogaz, este valor pode ser recuperado em três anos.

Nós também fazemos nosssa parte. A empresa que fornece energia aqui para casa faz parte de um projeto chamado Combate às Mudanças Climáticas (3-C Combat Climate Change) além de ser engajada na busca da redução de gases que contribuem para o aumento do efeito estufa, particularmente do CO2. Recentemente recebemos na nossa caixa de correio uma lampada compacta fluorecente (parte da campanha da empresa para conscientização). Adorei porque eles ousaram. Ousaram enviar à todos os clientes uma lâmpada dessas e isto para mim já é um grande passo na contibuição para mudanças comportamentais. Automaticamente trocamos a única lampada da casa que não era compacta.

O objetivo de todos esses atos audaciosos e inovadores é a reducção de CO2 na atmosfera e a certeza de estar contribuindo para uma causa muito maior. Este engajamento não existe apenas por parte do governo e das indústrias. Muitos cidadãos já aderiram à utilização deste tipo de energia. Eu não vou ficar de fora!!!

——-

Documento, em ingles, sobre a maneiras concretas de se tornar independente do petróleo: Making Sweden an Oil-Free Society (PDF)

Site da 3-C Combat Climate Change

  • A palavra do dia é miljö, Meio Ambiente

7 thoughts on “Energia renovável, já!!

  1. Essa blogagem coletiva, além da óbvia importância para a concientização do planeta, ainda serve para que a gente conheça outros blogs e possa trocar experiências.

    Parabéns pelo post e pelo blog.

    abs

  2. filipe says:

    meu Deus de novo! achei outra brasileira que mora na Suécia. Como é o país? Eles gostam de brasileiros? Estou em mudar para aí e queria conhecer mais o povo.

    pode me ajudar?

    e blog já ta add nos favoritos.

  3. Você sabia que os lixões aterrados são uma fonte de gás metano que se mantém por muitos anos? Pois é, o gás metano pode ser utilizado em centenas de atividades e, já que não temos mais como voltar atrás nos lixões que existiram, quem sabe possamos usá-los para impedir que outros apareçam?

    Há muitas e muitas formas de ajudar a natureza, discuti-las é o primeiro passo para pô-las em prática e seu blog fez isso com maestria!

  4. Já havia lido sobre a preocupação dos suecos com o meio ambiente, mas não sabia a extensão dessa preocupação e gostei de ver o que está sendo feito, pois prova que é possível, sim, desenvolver-se e proteger o planeta.
    Obrigado pela participação.

  5. Legal vc ter se baseado na poluição da combustão!!
    Acho q não li nada a respeito na blogagem!!

    O Brasil em alguns lugares parece ter iniciado alguma coisa, mas o pais lento o nosso, né?? hehehe… Sabe que as vezes acho que Brasileiro é Burro!! Pq não é burro, mas faz parecer!
    Tantas gente inteligente e disperdiçada! Mas sou ainda daquelas que acredita que a gente chegará lá, mesmo que engatinhando!! hehehe

    Estou na Índia a 1 ano… Tem coisas que fico admirada… Nossa como o Brasil é evoluído!! E num dos passeios que eu fiz em Singapore… fiquei estupefata!! Como o Brasil é atrasado!! Singapore é um pais modelo para ecologia! E fico chateada em ver o Brasil com um potencial para ser modelo… e o que na verdade é modelo de vergonha… Índia então, nem se fala!

  6. Olá Cláudio, obrigada e seja bem vindo!!! Eu gostei de participar da blogagem, é bastante interessante…mas ainda tenho vários blogs para ler.

    Preta amore. O resultado sai final do mês!! xero

    Bom Filipe, no geral eles gostam de brasileiros sim. Particularmente eu gosto muito daqui e a adaptação é uma questão bastante individual. Qualquer dúvida é só falar, se estiver ao meu alcance ou souber explicar, faço com prazer.

    Oi Fábio, fico feliz de ter conseguido passar a mensagem de forma clara. Até porque achei que ficou um pouco longo. Sobre a questão dos lixos atterrados eu tinha conhecimento sim. Inclusive, a iniciativa da reciclagem do lixo organico já é uma realidade também em Linköping.

    Pois é Lino, os nativos têm uma ligação com a natureza que ainda tenho que descobrir a origem. É realmente impressionante. :)

    Que legal que você gostou do post, Poliane!! Em alguns aspectos acho que nosso país está sim atrasado. Por outro lado, posso listar muitas coisas em que o Brasil é melhor que vários países ditos de primeiro mundo.

Comments are closed.