Noite longa e neve na cintura

Ainda bem que já amanheceu. Apesar do cansaço monstro, só consegui dormir às 24h e às 02h da manha já estava em pé cheia de energia pensando que já estava na hora de ir para a aula.

Ontem, como parte da prática do curso, fomos “cobrir” a competição de esqui de orientação (skidorientering, em sueco, e ski-orienteering, em ingles) que está rolando aqui em Sundsvall. Foi muito divertido, rápido, frio e cansativo. Depois explico melhor em português o que significa

Bom, eu não senti frio porque estava muito bem “equipada” com minha calça super forrada que comprei numa loja de segunda mão, baratíssima (novas, elas custam em média 2 mil coroas, eu comprei por míseras 85 coroas) e uma meia calça de algodão e acrílico. Acho que fui uma das únicas pessoas que não sentiu sequer um pouquinho de frio. 😀

Eu me joguei, literalmente, na neve na busca de um bom ângulo e de uma boa foto. A busca foi tanta que ao procurar um local “exclusivo” enfiei meu pé num local onde a neve não estava firme e pof, “fui puxada pela gravidade para as profundezas na neve”. Fiquei enterrada na neve até a cintura  por alguns minutos (sem sentir frio algum, lembram da calça?).

O dia ontem estava estupendo. O que me deu uma energia enorme. Durante quase duas horas, saltitei de um canto a outro, corri e me joguei no chão diversas vezes. A tarde, eu estava exausta!! Também, pudera! Meu professor riu a beça comigo ontem.

Tínhamos oito tarefas a cumprir. Oito tipos diferentes de fotos, as quais só me lembrei de fazer quase no final da competição. 😉 Começamos a trabalhar as fotos que ficaram escuras no Photoshop para dar “aquela melhorada” e hoje vamos discutir como chegamos a tais fotos. O professor também deve abordar as fotos que enviamos semana passada (o dever de casa!!) e passar mais fotinhas para o próximo encontro, em março.

As coisas começam a ficar mais claras na minha cabeça, o que me faz ficar bastante satisfeita.

Depois publico as fotos do findi!

Siiiim, já ia esquecendo. Neste encontro não eramos apenas 6 (ahaha lembrei do título da novela do SBT!!) mas 16!! Acreditem. Um dos novos alunos é de Estocolmo. Uma garota muito doce e agradável.

Volto para casa no trem das 16h11! Feliz da vida sonhando com minha cama e travesseiros.

Agora vou indo arrumar as coisas, pois nossa “anja da carona” vem nos buscar. Além disso, o cafe da manha começa em 30 minutos e eu to morrendo de fome!! 😉

4 thoughts on “Noite longa e neve na cintura

  1. Oi Ju que “tarefa” dificil hem!!!!! Passar o dia brincando com a neve…tirar fotos…rir bastante…
    Esse ano ainda nao pude fazer isso, pois aqui em Estocolmo vc sabe; a neve esta racionada, e dai nao deu ainda. Ir pra o norte como vc fez, sim.
    Querida uma boa semaninha pra vc. Como foi o segundo encontro com Denise? Bjoka.

  2. Juliana, esses cursos sao legais por que se discute o que fez e o que pode ser melhroado.Eles sao a cópia dos workshops. Só que estes últimos duram um dia inteiro e, em muitoas casos, como os espanhós, uma semana toda.
    dias felizes

  3. Maria says:

    Hej!

    Nu har jag hittat hit :)
    Vi hörs mer angående att ses och ta en fotodag ihop. Kanske nästa helg, alltså v.9?

    Maria

  4. Enfiada na neve até cintura??? Ju essa é uma das minhas descricoes para “o inferno na terra”… mana que me deu até leseira aqui!! MAS CD AS FOTOS????

Comments are closed.